Vou começar o post sobre Portugal, falando de uma cidade que adorei conhecer: Guimarães.

Aqui nesse post, vou detalhar o que fazer em Guimarães, como chegar, onde se hospedar, quantos dias ficar, tudo o que você precisa saber para visitar Guimarães.

Mas antes, vou falar um pouquinho sobre a minha impressão de Guimarães. Eu fui convidada pelo Turismo Guimarães para conhecer a cidade, e eu adorei!

Guimarães é  considerada Patrimônio Mundial pela UNESCO,  e é conhecida como “Berço da Nação”, ou como melhor retrata um dos seus pontos turísticos: “Aqui nasceu Portugal”. Sua arquitetura parece preservada pelo tempo, conserva aquele ar medieval com todas as comodidades dos dias atuais 😉 Você irá encontrar opções históricas, culturais e gastronômicas. Por isso, Guimarães com certeza merece entrar para o seu roteiro de Portugal, assim como entrou no meu. Eu recomendo!

 

Quantos dias ficar?

Em um dia inteiro você consegue conhecer as principais atrações de Guimarães, recomendo ficar hospedado uma noite para sentir mais a atmosfera da cidade. Se quiser, pode fazer alguns bate e volta a partir de Guimarães.

 

Como chegar?

Você pode alugar um carro para conhecer as cidades de Portugal (falaremos mais sobre isso em outro post), assim fica livre para ir e vir no horário que quiser.

Eu não dirijo, por isso, fui de trem.

Caso opte por ir de trem igual a mim, você irá pegar o trem na estação de São Bento, em Porto e descer na estação de Guimarães.

Tem bastante horários disponíveis.

Duração da viagem: 75 minutos.

Valor: €12,75 ida e volta (segunda classe)

Mais informações: www.cp.pt

 

Como se locomover?

As principais atrações são bem próximas e você consegue conhecer os principais pontos turísticos a pé.

 

Onde se hospedar?

Como falei mais a cima, eu fui convidada para visitar Guimarães e o hotel foi cortesia.

Fiquei hospedada na Pousada de Juventude de Guimarães

Endereço: Complexo Multifuncional de Couros, Largo da Cidade, 8, 4810-430 Guimaraes, Portugal

A Pousada, na verdade é um hostel e existe a opção de quarto individual, que foi a que eu fiquei. É bem localizada, tem um bom custo beneficio e é bem animada, com vários ambientes de convivência, para quem esta procurando fazer amizades  e socializar é uma boa pedida.

O banheiro foi um ponto negativo para mim, ele era bem pequeno, o banheiro era bem gelado (viajei no inverno), o chuveiro além de bem pequeno, tinha um sistema de economia parecido com aqueles de torneira de shopping, para sair água era preciso apertar e depois de alguns segundos é preciso apertar novamente, ou seja, nada legal =/

 

O que fazer em Guimarães?

Castelo de Guimarães: Quem me acompanha nas redes sociais sabe que eu tenho uma paixão por castelos e eu não poderia deixar de visitar um dos castelos medievais mais bem conservados. O Castelo de Guimarães foi construído no século X  para proteger os monges e cristão que moravam ao redor. No século XII o Conde Dom Henrique e a Dona Teresa foram morar no Castelo.

Valor da entrada:  2,00€ (Entrada Normal)

Bilhete Conjunto:
Paço dos Duques + Castelo de Guimarães = 6,00€
Paço dos Duques + Castelo de Guimarães + Museu de Alberto Sampaio= 8,00€

Horário de funcionamento:  Segunda a Domingo das 10h às 18h (última entrada às 17:30h)

Castelo de Guimarães
Castelo de Guimarães
Castelo de Guimarães
Castelo de Guimarães

 

Capela de São Miguel do Castelo: A capela fica ao lado do castelo,  segundo dizem o primeiro rei de Portugal, Dom Afonso Henriques foi batizado na capela. No entanto, o templo data do século XIII, mas ainda guarda sua pia batismal, a que foi utilizada na cerimônia.

Valor da entrada: gratuita.

Horário de funcionamento: Abre todos os dias das 10h às 18h.

 

Paço dos Duques de Bragança:  É outro ponto turístico, além do castelo que não pode faltar na sua visita.

É Patrimônio Mundial da Humanidade, foi construído no século XV por Dom Afonso, o primeiro duque de Bragança. No entanto, no século XIX o espaço foi transformado em quartel. Mais tarde foi restaurado e convertido em museu, abrigando um espólio do século XVII e XVIII.

No segundo andar, o palácio é a residência oficial do Presidente da República Portuguesa.

Valor da entrada:  5€ (Entrada Normal)

Bilhete Conjunto:
Paço dos Duques + Castelo de Guimarães = 6,00€
Paço dos Duques + Castelo de Guimarães + Museu de Alberto Sampaio= 8,00€

Horário de funcionamento:  Segunda a Domingo das 10h às 18h (última entrada às 17:30h)

Paço dos Duques de Bragança
Paço dos Duques de Bragança
Paço dos Duques de Bragança
Paço dos Duques de Bragança
Paço dos Duques de Bragança
Paço dos Duques de Bragança

 

Igreja de Nossa Senhora da Consolação e Santos Passos: É uma das igrejas mais belas de Portugal, o jardim é a coisa mais linda, como vocês podem conferir na imagem abaixo. Ela foi construída no século XVII e fica no  Largo da República do Brasil.

Igreja de Nossa Senhora da Consolação e Santos Passos
Igreja de Nossa Senhora da Consolação e Santos Passos
Largo da República do Brasil
Largo da República do Brasil

 

Museu de Alberto Sampaio: Foi criado em 1928, fica no centro histórico e apresenta importantes coleções de escultura (arquitetural, de vulto e tumulária), cobrindo os períodos medieval e renascentista e prolongando-se até ao século XVIII. A colecção de ourivesaria é das melhores do país: destacam-se o cálice românico de D. Sancho I, a imagem de Santa Maria de Guimarães (séc. XIII), as cruzes processionais, e o magnífico retábulo gótico de prata dourada representando a Natividade, de fins do século XIV. Destaque para o belo jardim que fica aos fundos.
Valor da entrada:  3€ (Entrada Normal)

Bilhete Conjunto:
Paço dos Duques + Castelo de Guimarães + Museu de Alberto Sampaio= 8,00€

Horário de funcionamento:  Terça a Domingo das 9h às 18h (última entrada às 17:30h)

Museu de Alberto Sampaio
Museu de Alberto Sampaio
Museu de Alberto Sampaio
Museu de Alberto Sampaio

 

Centro Histórico: Conforme falei no texto acima, Guimarães parece preservada pelo tempo, conserva aquele ar medieval, então nada melhor que passear pelo seu centro históricos, andar pelas praças e ruelas e tirar muitas fotos.

 

Largo do Toural: O Largo do Toural é uma das praças mais centrais e importantes da cidade, que respira a atmosfera única que se vive na cidade. É um dos espaços públicos mais nobres de Guimarães.

Lá foi colocado uma grade no estilo Pont des Arts de Paris, para os apaixonados colocarem os cadeados do Amor. Não coloquei o meu =/

 

Praça do Toural
Praça do Toural

 

Praça do Toural
Praça do Toural

 

Teleférico de Guimarães e o Montanha da Penha: Um passeio bem legal para terminar o dia em Guimarães é pegar o Teleférico de Guimarães, que leva até o alto da Montanha da Penha. O percurso do teleférico é de 1700 metros, o que dá cerca de 10 minutos até o topo.

A montanha é a parte mais elevada da Guimarães e do seu topo é possível ter uma vista incrível! Lá você encontra restaurantes, bares e área de piquenique, sem contar a vista panorâmica da cidade.

Valor da entrada:  5€ (Ida e volta)

Horário de funcionamento:  De segunda a Domingo das 10h às 18h (última entrada às 17:30h).

 

Me digam se gostaram nos comentários ou se tiver alguma dica compartilha também!

Até o próximo post!

By Simone Freitas

Carioca, empreendedora, travel hacking e fundadora do Projeto Viajando Sempre. Apaixonada pelo mundo e dependente de viagens, lugares exóticos e um bom drink a beira mar! Sempre em busca do próximo destino!!

Comentários

23 thoughts on “O que Fazer em Guimarães”

Deixe uma resposta

  • HALONG BAY

Sobre Halong Bay....
Confesso que foi a minha frustração do Vietnam, eu estava com tanta expectativa sobre o lugar, na internet via fotos lindíssimas de um mirante chamado Bai Tho, mas o lugar está fechado para o público, porém muitas pessoas invadem e ainda ensinam na internet como fazer isso, meu primeiro pensamento foi: "Eu vou fazer tbm" 
Afinal, trabalho com Internet e preciso de fotos instagramicas.

Mas parei para pensar, se está fechado é por algum motivo, e quando compartilhamos esse tipo de comportamento na internet, nós incentivamos outras pessoas a fazerem tbm.

E se algo acontecer com elas? E se for perigoso?

Eu me torno co-responsavel.

Na busca para fotos perfeitas acabamos fazendo coisas irresponsáveis. 
Quando estamos visitando um país é importante respeitar as regras e leis daquele lugar.

Por isso, com muito pesar eu não fiz. 
No fim, me senti orgulhosa de perceber que fui responsável com o meu papel de influenciadora e que estou no caminho certo de corrigir comportamentos que julgo errado.

E você? O que as viagens te ensinam?
  • O QUE FAZER EM VIENTIANE? - Wat Si Saket (segunda e terceira foto)
- Pha That Luang (o templo dourado)
- Haw Pra Kaew
- Patuxai - Pôr do sol no Rio Mekong - Buda Park

Dois dias é o suficiente e Vientiane tem uma estrutura melhor que Luang Prabang e Vang Vieng. 
Você pode ir até essas cidades de ônibus ou van

Coloquei os valores e trajetos todos lá nos stories. Dá uma olhadinha no destaques
  • O QUE FAZER EM VANG VIENG?

Já salva essa foto aí que lá vem dica!

Eu amei Vang Vieng, tem uma vibe roots que dá para dar aquela relaxada!

Em dois dias inteiros eu consegui fazer: - Nam Xay viewpoint (primeira e segunda foto)
- Kayak no Rio Nang Song (vídeo)
- Blue Lagoon 1,2 e 3 (última foto)
- Tubing (super divertido, descer de bóia no Rio)
- Tham Poukham cave
- Night Market - festas no centro - escalada
- vôo de balão - trilha

Eu já quero voltar e ficar mais tempo 🥰

Postei os detalhes lá nos stories, quem viu?🙋🏼‍♀️
  • Nesse vídeo eu compartilho com você como eu comecei o Blog. Vem ver!
  • Aproveitando para descansar um pouco aqui no @laopoet e editando vídeo para vocês 🤗

Vou postar mais tarde no YouTube o vídeo que vocês tanto pediram, Como eu comecei 🤗

Enquanto isso, fica a dica de onde se hospedar em Vientiane, o @laopoet é um hotel boutique super luxuoso, localizado no centro de Vientiane. Tem rooftop, piscina com borda infinita e os quartos são super bem decorados, passa para o lado para ver 👉🏻
  • Aproveitando os meus dias de princesa no @laopoet 🥰😍 e me achando no comercial de beleza ahah

Essa foto é para falar de um assunto sério!

Desde que eu compartilhei que tenho psoríase, eu recebo muitos directs sobre.

É uma doença de pele autoimune, não é contagiosa, viu!
É cíclica, os sintomas aparecem e reaparecem periodicamente.
Principalmente em situações de estresse e mudança de temperatura.

São placas vermelhas e descamativas e não tem cura.

A psoríase deve ser tratada para melhorar a qualidade de vida do paciente e em casos mais graves ela pode afetar as articulações e acarretar doenças mais graves, como hipertensão, depressão, etc.

É muito importante sempre hidratar a pele, comer saudável e praticar exercícios físicos. Isso tudo melhora a qualidade da sua vida.

O seu Dermatologista vai te receitar o hidratante e sabonete especial para o seu caso, até cremes caso necessário.

A minha Dermatologista @juliaocampodermato me receita esse creme hidratante aí da foto, bioderma atoderm intensive baume (aliás, @biodermabrasil me nota 🤣) e o sabonete é o: Bioderma Atoderm Huile de Douche
Esses dois combinados diminuíram muito as minhas crises.

E o que fez total diferença no meu caso foi começar uma dieta adequada, gluten, álcool pioram muito a minha psoríase.
A minha nutricionista @vaniamattosonutri faz uns manipulados de vitaminas que fazem toda a diferença na minha qualidade de vida com a doença.

Bom, espero ter dados todas as informações sobre o assunto. Não esqueçam de procurar um médico quando perceberam algo de errado e NÃO TENHAM preconceito com a psoríase, você não vai pegar não 😅
  • Mais um tiro na sua timeline 🥰

Que lugar senhores! Que lugar 😍

Mua Caves é a atração mais famosa de Ninh Binh, seu nome em Vietnamita é  Hang múa, esta localizado em Khe Ha Vilage

As lendas dizem que quando o Rei Tran chegou a Hoa Lu para estabelecer o templo Vi, ele foi apreciar uma performance de dança. No vietnamita "mua" significa dança, daí o nome "Hang Mua"

A melhor época para visitar é de Maio a Junho quando os arrozais estão amarelos (eu fui em Novembro)

E o horário mais mágico para fotos é no pôr do sol, mas esse horário é cheio.

Prepara- se para uma cansativa subida até o topo, tênis é apropriado para subir

Qual o seu lugar preferido do Vietnam até agora?
  • JÁ SALVA ESSA FOTO AÍ🙈

Falei pra vocês que Ninh Binh é babado, as paisagens do Vietnam são de tirar o fôlego, aguardem pois tem muito mais foto de onde saiu essa aí 🤚🏻 Informações importantes sobre o Vietnam:

Moeda: Dong

Melhor época para visitar?
De novembro à Abril. Eu fui em Novembro 
Segurança: é um país seguro, mulheres podem viajar sozinhas tranquilamente 
Preço? O custo de vida é baixo (mostrei os preços lá nos stories, está nos destaques)

Comida: Na maioria dos países da Ásia se deve prestar a atenção onde come, sempre beber água mineral lacrada. Eu não como em barracas de rua, não quero uma intoxicação 😬 Não passei mal em nenhum país aqui, mas eu tomo cuidado com o que eu como

Meu roteiro: Hanoi, Halong Bay e Ninh Binh 
Mais alguma dúvida sobre o Vietnam?

SIGA @PROJETOVIAJANDOSEMPRE