O post de hoje é sobre destinos, sobre a minha viagem para Búzios e vou começar essa série de posts com onde se hospedar em Búzios.

Eu moro no Rio de Janeiro e Búzios fica bem pertinho para os cariocas, então já fui muitas e muitas vezes para Búzios, feriado, finais de semana, geralmente quando ia ficava hospedava na casa de praia de alguém, dessa vez fui e fiquei hospedada no Le Village Búzios.

Ele ganhou o Prêmio TripAdvisor Travellers’ Choice 2016 e está na posição 18 de melhor hotel romântico de pequeno porte do Brasil, os quartos com certeza tem essa atmosfera romântica, eu fiquei no quarto Luxo, ele tinha uma super big banheira de hidromassagem no meio da sala que com certeza dá um clima todo romântico a estadia, o meu quarto era tipo um duplex, no andar de baixo tinha uma salinha com sofá cama, TV, frigobar e a big banheira, tinha um banheiro também, no andar de cima ficava a cama com um clima todo rustico, adorei!

le village buzios
Le Village Búzios

 

le village buzios
Le Village Búzios

O hotel fica localizado em frente a praia do forno, na Rua vinte e um. Tem piscina, wi-fi, TV a cabo, um bar na piscina que é o Restaurante do hotel o Le Terrase Bistrô, o restaurante é pequeno, mas a comida é gostosa, vem bastante comida e não é caro.

le village buziosLe Village Búzios

le village buzios
Le Village Búzios

O café da manhã está incluso na reserva, ele não tem tanta variedade, mas tem opções saudáveis o que achei bem legal para quem esta fazendo dieta como eu, tem opções de pães normais e integrais, queijos e frios normais e light, cereal, leite, café, sucos, iogurtes, frutas e tem omelete e batata doce para os marombas 😛

le village buzios
Café da manhã Le Village Búzios

A recepção do hotel fica aberta 24 horas, na recepção você consegue ver passeios para Búzios caso queira, tem toalha para ir a praia, entre os amenities do quarto do hotel estão: Chocolate na cama, shampoo, condicionador, sabonete e sais de banho. E quando você chega no hotel para fazer o check in ganha um drink sem álcool, esse toque achei bem legal, sempre ganho drink quando me hospedo em hotéis 5 estrelas e esse toquezinho especial em um hotel que não é me agradou bastante.

le village buzios
Le Village Búzios

O Le Village Búzios é um hotel Boutique, são hotéis com poucos quartos, que prezam mais pelo exclusivo e individualidade, o atendimento é mais personalizado visto que são poucos hóspedes, O Le Village me passou essa impressão sim, na piscina ao pedir os drinks eramos tratados pelo nome, achei esse toque bem legal, me lembrou os hotéis 5 estrelas que eu me hospedei na Indonésia.

Resumindo achei um ótimo custo beneficio o Le Village Búzios, o atendimento é bom, os quartos confortáveis e charmosos, por um ótimo preço, na época que me hospedei (baixa temporada) as diárias estavam a partir de R$ 295,00 no Booking.

Para quem quiser saber mais é só visitar o site deles http://levillagebuzios.com/

Até a próxima dica e Boa Viagem!

By Simone Freitas

Carioca, empreendedora, travel hacking e fundadora do Projeto Viajando Sempre. Apaixonada pelo mundo e dependente de viagens, lugares exóticos e um bom drink a beira mar! Sempre em busca do próximo destino!!

Comentários

Deixe uma resposta

  • Realizei meu sonho e me hospedei em um barco 😍  o @wikkelhouse é muito fofo gente! E luxuoso, tinha até jacuzzi 💆🏼‍♀️
@wikkelhouse é todo sustentável e foi projetado no design de um barco, mas sem perder o conforto de uma casa.

Tem duas camas de casal, cozinha equipada com fogão e geladeira, todos os utensílios domésticos, sofá, mesa e até projetor para assistir um filmezinho com o mozão ou com os amigos.

Não vejo a hora de poder viajar novamente e me hospedar lá novamente 😍

E você? Qual o lugar que você quer visitar quando essa pandemia passar?

Já podemos ir sonhando 💁🏼‍♀️
  • CORONAVIRUS 🔴
Como está a situação na sua cidade ou país?? Se você tem viagem marcada para os lugares onde tem pico de incidência não vá!
As companhias aéreas estão remarcando sem custo!

Cuidados: -Evite colocar as mãos nos lugares e depois no olho ou na boca.
- lavar aos mãos constantemente, use álcool em gel
- se for tossir ou espirrar cubra com os braços, não com as mãos 
Sintomas: - tosse seca - febre - nariz escorrendo
- dificuldade de respirar - algumas pessoas apresentam dor de garganta 
Se apresentar sintomas procure um médico!

Não adianta pânico gente! Isso só piora a situação, outras gripes como essa já existiram, olha a H1N1 (gripe suína), vamos evitar, mas sem pânico!
  • Virei Criança 🤪

Literalmente virei criança quando fui no Unicórnio café em Bangkok 
O café é temático e atrai um monte de turistas, lá toda a decoração é de Unicórnio e o cardápio também é temático.

Você pode alugar a fantasia de Unicórnio ( pago a parte)

E a dica é para chegar faltando meia hora para fechar, como todo ponto turístico instagramavel virou febre e lota. Eu fui meia hora antes de fechar e estava V-A-Z-I-O😱

Horário de funcionamento: 12:00 às 20:00

Como é lá dentro, o cardápio e os preços eu coloquei lá nos destaques de Bangkok.

Já salva aí essa dica 🤗
  • Tantas fotos para postar da Tailândia e eu não consigo escolher 🤭

Chiang Mai é a segunda maior cidade da Tailândia e tem mais de 300 templos 😱

O meu preferido foi esse aí da foto, o Doi Suthep, é lindo, todo dourado.

Foi construído em cima de uma montanha. 
Para chegar lá você pode subir 300 degraus (parece muito, mas é fácil) ou pegar um elevador🙏🏻🙌🏻 Tem um mirante lindo para tirar fotos, vá na hora do pôr do sol!

Quando eu fui eu recebi a bênção de um dos monges, qualquer um pode recebe, não precisa ser budista.

Chegamos lá de tuk tuk, diversão garantida.

Detalhes lá nos destaques de Chiang Mai 🤗
  • Nesse Vídeo eu te Mostro 6 Looks de Viagem para Você Usar no Frio
Cabe em uma mala de mão 🤗
  • INDESCRITÍVEL!

Ano passado eu participei do Festival das Lanternas em Chiang Mai e foi mágico 😍
Sabe aquela energia de todo mundos desejando coisas boas ao mesmo tempo? Então, foi isso que eu senti, essa vibe!

O Festival das Lanternas( Yi Peng) acontece sempre no mês de Novembro, mas a data muda, é sempre na décima segunda lua cheia do calendário lunar Tailandês.

Segundo a crença budista, lançar a lanterna traz boa sorte, principalmente se ela sumir de vista no céu escuro. Hoje em dia a galera faz um pedido Muita gente faz um pedido e libera toda a energia negativa do ano, ou seja, só coisas boas!

A cidade é toda decorada para a festividade e até o aeroporto fecha para o lançamento das lanternas ocorrer em segurança.

Tem horário e locais autorizados para a soltura das lanternas, o material é biodegradável e leve para que não voe até muito longe 
As lanternas são feitas 
Essa foto aí foi em uma festa privada, no qual você paga para entrar, mas você pode conferir o festival da rua tbm, é grátis mas não tem essa imagem bonita de todo mundo soltando junto, ao mesmo tempo as lanternas.

As festas são caras em torno de 150 dólares e esgotam super rápido, por isso planeje com antecedência.

Coloquei mais detalhes lá nos destaques de Chiang Mai
  • BLUE TEMPLE

Para chegar lá partimos de Chiang Mai até Chiang Rai
de carro (excursão). Nesse dia visitei também o Templo Branco.

Uma dica é chegar superrrr cedo, para conseguir tirar uma foto sozinha e lógico terá que escolher entre ir primeiro no Templo branco ou no azul para a foto solitária.

Eu gostei mais do Templo Azul, apesar de o branco ser enorme e mais imponente, eu achei o templo azul mais fotogênico 🤭

Os detalhes, preços, distância. Tudo lá nos destaques de Chiang Mai
  • TURISMO ANIMAL

Usar elefantes como meio de transporte é uma prática legal na Tailândia, porém é extremamente nocivo aos animais, mas é uma prática legal no país.

Por isso, existem Santuários que resgatam os elefantes que sofreram maus tratos e fazem um trabalho de conscientização.

No Jungle Sanctuary eles fazem um trabalho de resgatar e reabilitar esses animais. Com o valor dos ingressos dos visitantes eles conseguem manter o local, além de educar as pessoas sobre o turismo consciente.
É muito lindo ver o quanto esses elefantes melhoraram após o resgate. 🥰

Hoje em dia eu procuro ser mais consciente com as minhas ações. 
Principalmente com o trurismo animal, podemos errar por não saber, mas sempre podemos aprender e melhorar.

Procuro mudar alguns hábitos de forma a contribuir para um consumo consciente, algumas coisas comecei por obrigação e outras por vontade própria.

Moro na Irlanda e aqui a reciclagem é obrigatório, assim como levar a sua própria sacola, duas práticas que de início são chatas, mas que viram hábito e são fáceis e contribuem em muito para o meio ambiente.
Recentemente me tornei vegetariana, são pequeno passos que dou em prol do que acredito ser benéfico.

Quais mudanças você adotou recentemente?

SIGA @PROJETOVIAJANDOSEMPRE